• Everton Silva

O que fazer em Nova Iorque - Sightseen


Esse sem dúvidas pra qualquer turista será o post mais interessante sobre NYC, tendo em vista que quem vai pra lá seja pela primeira ou décima vez, sempre encontra algo novo para ver e tirar aquela foto!

A Big Apple é completa em todos os aspectos ao se tratar de pontos turísticos.

Vou fazer um apanhado do que há de melhor em matéria de sightseen em NYC, sem entrar em detalhes dos museus e shows da Broadway. Esses virão no próximo post :)

Vou listar aqui os mais famosos e imperdíveis, para que vocês possam se programar no número de dias que ficarão em NYC. Mas considerando que a cidade é extremamente chamativa para compras, tenha em mente que a menos que você passe uma semana (no mínimo) em NYC, não conseguirá ver e fazer tudo. O que torna ela mais maravilhosa ainda... sempre tem o que conhecer caso queira voltar!!!

Abaixo a lista do que irei falar, sem ordem de prioridade, isso vai de cada um querer ou não encaixar:

  • Times Square

  • Grand Central Terminal

  • Central Park

  • Rockfeller Center

  • Empire State Building

  • One World

  • High Line Park

  • Estátua da Liberdade

  • Brooklyn Bridge

  • Nações Unidas

  • St Patrick’s Cathedral

  • Wall Street

Times Square

Vou começar com esse que é sem dúvida o primeiro ponto turístico que me faz lembrar NYC.

Simplesmente não dá pra ir pra essa cidade sem se enfiar no meio da Times pra admirar as luzes e telões e tudo que acontece 24h por dia 365 dias no ano!

A Times Square fica no cruzamento da Broadway e 7th Avenida, entre a 42nd e 47th St.

A escada vermelha da Times, é um lugar onde eu particularmente sento todas as vezes que vou para NYC e fico no mínimo 1 hora admirando tudo que está em volta. E acredite: há muito pra admirar ali.

As ruas de acesso para os shows da Broadway em sua totalidade ficam nos entornos da Times, o Hard Rock Café de NYC também está ali, sem contar com a sensação de estar em um filme a cada passo que se dá (que faz parte de toda a cidade, mas na Times é potencializado).

Grand Central Terminal

Esse é um lugar que com certeza em meia hora você consegue conhecer, admirar, tirar suas fotos e partir para o próximo (dependendo de onde for, de dentro dele mesmo).

A Grand Central é a estação de trem e metrô de NYC que tem a arquitetura impactante por fora e por dentro. Especialmente no Main Concorde, é também um lugar imperdível para você colocar na sua lista de visitas quando estiver em NYC.

Por causa do número de plataformas, essa é considerada a maior estação de trem do mundo. E dentro dela (nos corredores que dão acesso ao Main Concorde) você ainda encontra uma espécie de mercado, além da praça de alimentação no andar debaixo.

Não espere nada barato nesse lugar ok? Os preços são de médio para altos comparados ao resto da cidade. Mas comer lá no meio dos americanos é bem divertido e vale a experiência.

Os acessos da Grand Central são pela 42nd street entre Park Avenue e Lexington Avenue. Se escolher sair pela Lexington ainda vai se deparar com o maravilhoso Chrysler Building, que falem o que quiser... na minha opinião é o prédio mais lindo de toda a cidade!

Central Park

Quem nunca imaginou uma volta no parque mais famoso de todo o planeta?

O Central Park é elegante, divertido, interativo, relaxante, romântico, artístico e acima de tudo lindo em todas as estações do ano.

Se você planeja conhecer NYC e não pensa em tirar pelo menos metade de um dia para aproveitar o Central Park, caso meu conselho valha... reconsidere sua posição rs! Como primeira viagem, digo com toda segurança que não faz sentido nenhum conhecer NYC e ignorar o Central Park. Por mais agitado que você se considere, pode ficar tranquilo que em algum ponto vai encontrar agitação lá dentro também, nem que seja com um dos diversos shows dos artistas independentes que se apresentam no parque.

Utilizando o mapa abaixo, você consegue até planejar os pontos de interesse no parque, visto que obviamente, nem tudo vai ter relevância para você ver.

Esse mapa está disponível no site do parque através do link:

Mapa Central Park

O pdf desse link está mais completo e nítido através do link, porque é o oficial :)

Note que há várias entradas nas laterais, e ambas dão acesso às 5th e 7th avenidas.

Rockfeller Center

O Rockfeller é um ponto turístico que ao estar de passagem na 5th Avenida você consegue entrar, tirar suas fotos e seguir. Ele oferece duas atrações que são sensacionais. A primeira é a pista de patinação no gelo que fica ao centro, e o Top of the Rock, que é a vista panorâmica da cidade.

Você pode adquirir ingressos antecipados ou na hora. Mas caso queira evitar filas, procure comprar antecipado. De qualquer forma, eu não sou muito fã do Top of the Rock comparado às duas outras atrações de vista panorâmica de NYC. Mas isso foi questão de gosto mesmo! Não me fascinou tanto, até porque é o mais baixinho rs.

Outra coisa divertida no Rockfeller é assistir as gravações dos telejornais da NBC, e dependendo da ocasião, até aparecer ao vivo (caso você seja desses rs).

Empire State Building

Sem dúvidas, o prédio mais famoso de todos. Por algum tempo já foi até o maior dos maiores.

O que importa é que o ESB é icônico e um must see quando você for para NYC. Seja por baixo, ou subindo até o topo.

Se resolver subir, vai ter uma gincana de elevadores para entrar, mas a vista é sim muito compensatória. O difícil por estar sempre cheio, é conseguir um espaço para tirar uma foto da grade... mas com persistência se dá um jeito!

One World

Esse lugar é marcado pela história não tão antiga do ataque de 11 de setembro às torres gêmeas do World Trade Center.

Pra mim, é um dos lugares mais especiais (apesar da opulência) dessa cidade. Porque foi através da tragédia que eu me vi impulsionado a conhecer NYC e de certa forma fazer parte daquela superação que assistimos de 2001 até aqui.

E é esse sentimento que reflete o que sentimos ao estar nessa área da cidade.

O World Trade Center hoje é formado pelo Memorial do 11/9 + o museu do ataque, a estação de metrô que foi concluída recentemente e o símbolo maior de que o americano se reergueu, que é o prédio One World. Uma torre fascinante de 104 andares que foi projetada para ser sustentável, segura, além de linda no design.

Subir ao topo do One World é um espetáculo à parte. Confesso que quando fiz esse tour eu fui despretensioso por já ter subido o Top of the Rock e o Empire State. Mas garanto: é de tirar o folego e até emocionar o espetáculo que eles proporcionam ao jeito americano quando você sobe!

Não falo, pra não estragar a surpresa. Mas aconselho definitivamente: Quer subir em um dos gigantes? Nem pense duas vezes em escolher o One World.

Onde ficavam as torres gêmeas, foram construídas duas piscinas com cascatas e os nomes das vítimas gravados nas bordas.

Apesar de ter se tornado um ponto turístico e uma atração da cidade, não se esqueça nunca do que aconteceu ali, e respeite aquele lugar. É meio revoltante ver pessoas em clima de festa em volta das piscinas, e dependendo da postura você pode ser chamado atenção por um dos inúmeros guardas que ficam por ali o tempo todo.

High Line Park

Esse é um parque que foi construído em uma linha desativada de trem, que hoje se tornou modelo de sustentabilidade para muitas grandes cidades.

O High Line não tem nada demais a não ser o passeio e as vistas de NYC que por si só já são um espetáculo à parte. Mas com certeza, é um lugar que num final de tarde você deve considerar ir sim. Muito bem estruturado, limpo e bonito.

No mínimo vai te garantir umas fotos bacanas :)

Estátua da Liberdade

De tudo que há em NYC, nada chega perto de ser tão famoso quanto esse que foi um presente dos franceses para os americanos.

A Estátua da Liberdade é um símbolo essencial para os viajantes do mundo. Um selo indispensável na sua coleção de lugares visitados.

O acesso da estátua é através de um píer em Downtown Manhattan. A estação de metrô mais próxima para chegar é a Bowling Green das linhas 4 ou 5 onde você ou compra o ingresso antecipado ou na bilheteria que tem ao lado do píer no Battery Park. Na minha humilde opinião só vale a pena comprar antecipado se você não quiser pegar a fila, que particularmente nunca passei mais de 15 minutos. Porque pesquisando e comparando preços o antecipado geralmente é mais caro, apesar de ser mais prático.

Ingressos em mãos, entre na fila do píer para entrar no ferry. A emoção do passeio começa daí, porque a vista de Manhattan ao se aproximar da Liberty Island é de tirar o folego e também garante fotos incríveis (só tome cuidado pra não se esticar demais e deixar a câmera cair no Hudson – já vi isso acontecer).

Ao chegar na Liberty Island você tem a opção de usar um tour guiado através de um device que vai ficar te contando a história. Pode também optar por subir até a coroa da estátua por dentro.

Na volta o ferry costuma parar na Ellis Island, para a visita ao museu de imigração.

Os ferrys costumam circular entre 08h30m e 17h. Portanto atenção!

Brooklyn Bridge

Essa é mais uma atração que vale a pena programar. Visto que é de graça e vai te garantir não só fotos, mas uma experiência pra se recordar com mais fascínio de NYC.

Experimente fazer o percurso todo entre a ponta de Manhattan até a do Brooklyn onde você encontra a famosa praça que aparece nos filmes e que todo mundo tira aquela foto icônica da ponte! Também o Brooklyn War Memorial. Há placas indicativas, não tem risco de se perder :)

Você pode optar pela travessia Manhattan – Brooklyn (linhas 5 ou 6 – Brooklyn Bridge City Hall) ou Brooklyn - Manhattan ( linhas A ou C até High Street ou 2 ou 3 até Clark Street) que costuma ser a mais indicada até pela inclinação da ponte que vai ajudar na caminhada.

Nações Unidas

O prédio das Nações Unidas é um dos pontos em NYC que antes de ir eu literalmente não apostava nada. Mas depois que fiz o passeio, só tenho uma coisa a dizer: Compensou!

Não há nada demais, especialmente para quem não se interessa por política nem questões que envolvem as nações. Mas não tem como ignorar que é um lugar falado pelo mundo inteiro, e que conhecer ele vai te tornar pelo menos mais “intelectual” ao comentar sua viagem a NYC para os seus amigos.

Sem contar que para nós brasileiros, conhecer esse prédio tem um gostinho a mais de satisfação, pois para quem não sabe ele foi projetado por ninguém mais ninguém menos que o nosso mestre Oscar Niemeyer.

É possível fazer a visita guiada no interior da sede, mas essa eu sinceramente não encarei!

No entorno você encontra alguns dos consulados de diversos países, o que é bem interessante também.

Você encontra a sede das Nações Unidas na 42nd Street na primeira avenida ao Leste da ilha.

St Patrick’s Cathedral

Toda grande cidade tem que ter sua Igreja maravilhosa, certo? Com NYC não seria diferente!

Religioso ou não, se você vai fazer turismo acaba sempre dando aquela admirada na igreja local. Seja pela fé, pela arquitetura ou até mesmo só pelo passeio.

E a que eu tenho a destacar aqui é a St Patrick’s Cathedral.

Linda por dentro e por fora. Recém reformada e restaurada. Essa é a catedral católica romana que apresenta arquitetura neogótica, é a maior no seu segmento nos EUA.

Cerimonias importantíssimas quando sediadas em NYC, acontecem nessa catedral já que sua localização por si só dispensa apresentações.

Ela fica situada na 5th Avenida do lado oposto ao Rockfeller Center.

Wall Street

Esse é o centro financeiro de NYC. E se bobear do mundo, visto que tudo gira em torno dali!

Não há muito para se fazer por ali, tendo em vista que o bairro inteiro respira business. Mas você não pode deixar de tirar uma foto no famoso Touro de Wall Street ou Charging Bull.

Vendem a crença de que se você pegar nos testículos do touro, vai ter vida próspera rs!

Recentemente foi adicionada a peça de uma menina em frente ao touro no mesmo padrão de bronze, para simbolizar o empoderamento feminino e a representatividade das mulheres no mundo dos negócios hoje em dia.

Só de ler isso já deu pra entender que é sim um ponto turístico imperdível, não?

Abaixo um mapa de Manhattan com os pontos que eu mencionei para ajudar vocês a programarem dentro dos seus dias, seguindo a lógica do que fica mais próximo! :)

Espero que gostem

Procurei destacar os pontos turísticos que mais têm relevância em NYC. Mas é claro que a cidade tem muito mais pra se ver e fazer. E considerando que virão posts futuros sobre NYC, eu finalizo por aqui para não me estender mais!

Lembrando que para me ajudar a aprimorar o conteúdo de acordo com o que vocês precisam, qualquer dúvida ou sugestão do que sentiram falta saber no post será muito bem-vinda!

Forte abraço

#sightseen #EUA #NovaYork #PontosTúristicos #Passeios #Oquefazer

Sobre Mim

✈ World Traveler

♉ Taurino - Nascido em 1988

 English, Spanish and Portuguese spoken

📍São Paulo - Brasil

🐶😺 Amo animais

 

Leia Mais

12924473_1124827837567708_11127484166396

© Pra onde ir agora?